“Estamos preparados para governar a França”, diz Jordan Bardella, direitista que lidera as pesquisas

“Estamos preparados para governar a França”, diz Jordan Bardella, direitista que lidera as pesquisas 1
Foto: RCP/Medea

 

O candidato de direita ao cargo de primeiro-ministro da França, Jordan Bardella, afirmou nesta segunda-feira, 24, estar preparado para governar o país, seis dias antes do primeiro turno das eleições legislativas. Bardella, de apenas 28 anos e estrela em ascensão da direita francesa, emergiu como vencedor das eleições europeias de 9 de junho, levando o presidente Emmanuel Macron a antecipar as legislativas que estavam programadas para 2027.

“O Reagrupamento Nacional (RN) é atualmente o único movimento que pode implementar as aspirações dos franceses. Em três palavras: Nós estamos preparados”, declarou Bardella ao apresentar seu programa eleitoral. O RN e seus aliados lideram as pesquisas para as legislativas com cerca de 35% a 36% das intenções de voto, seguidos pela coalizão de esquerda Nova Frente Popular (NFP) com 27% a 29,5%, além da aliança de Macron, com aproximadamente 20%.

Jordan Bardella aspira ao cargo de primeiro-ministro caso seu partido, liderado de fato por Marine Le Pen, conquiste a maioria absoluta nas eleições legislativas marcadas para 30 de junho e 7 de julho. Ele conseguiu chamar a atenção do eleitorado por se debruçar temas que envolvem segurança, controle da imigração e reformas no sistema educacional, como a introdução de uniformes escolares e a proibição de celulares nas escolas, entre outros pontos.

“Sete anos de ‘macronismo’ enfraqueceram o país”, afirmou Bardella, criticando os resultados econômicos do governo Macron, que segundo ele, resultaram em altos níveis de dívida e déficit públicos. O candidato do RN também atacou o programa da NFP, alertando para um aumento generalizado da imigração e uma crise econômica profunda. “A França vai virar a Venezuela, mas sem petróleo”, reiterou.

Deu no Conexão Política

Deixe um comentário